43! Ups, já disse (ahahah)….não, não tenho problemas nenhuns em dizer a minha idade. São 43, os mesmos que a nossa Revolução, e por essa razão nunca soube o que era viver na época da “outra senhora”, em que dar a nossa opinião era crime. Conseguem imaginar? Eu não!
Com 43 já vivemos o suficiente para percebermos que a vida passa depressa demais (principalmente depois dos filhos nascerem), que há pessoas que não merecem o nosso (precioso) tempo e estamos na fase em que questionamos se vamos a tempo de fazer uma série de desejos e sonhos que vão sendo adiados. Muitos nunca serão concretizados mas conseguimos filtrar e decidir os que não devemos deixar cair. E tenho alguns! E não vão cair!
Com 43 posso dizer que sou imensamente feliz! Sinto-me feliz quase todos os dias da minha vida. A sério! Talvez porque penso sempre que é mais um dia no Paraíso! Sim, porque eu, tu,nós vivemos no Paraíso! Basta abrir a televisão, ou sair à rua com olhos de ver…..
E por isso, e porque todos os que me são mais queridos têm saúde, só posso ser Feliz!
Sei que, infelizmente, virão dias cinzentos, negros, tristes, maus, mas também já aprendi que temos que passar por eles, não vale a pena tentar saltar, fingir que não existem. Custa, mas passa-se e não se pára. Algum dia passa, deixa de doer tanto, e, felizmente, a vida encarrega-se de nos distrair com coisas felizes, se nós deixarmos. Sim, porque para se ser feliz tem que se querer ser. Dá trabalho, porque temos que educar o nosso cérebro a não escolher o outro lado. Eu consegui, e sou muito feliz! Agradeço todos os dias por tudo o que tenho. E o que tenho é ouro: a minha família e os meus amigos!
Até no trabalho eu sou feliz. Adoro o que faço! Quando entro numa sala de aula dou o meu melhor. E quando, num dia menos bom, não dou o melhor de mim, fico aborrecida, muito aborrecida!
Mas infelizmente é do trabalho que vem a minha única insatisfação. Não do trabalho em si, mas das enormes injustiças que se fazem por este país, mas que ninguém fala, ou se falam, não é de forma a resolver as situações. Mas isso daria um post que não acabava e iria terminar da pior forma o Meu Dia! É um assunto que também, um dia, se irá resolver!
Por isso, no fim deste Meu Dia, apetece-me terminar com uma frase de um dos mais bonitos filmes que vi:
“Carpe Diem”, “Seize the day” ou, simplemente “aproveitem o dia” !!!!

(este texto foi publicado no FB dia 18Janeiro….estive sem acesso ao wordpress)

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s