No meio de toda esta situação tão dramática custa-me imenso ver a maioria das pessoas com sete pedras apontadas à familia da menina que hoje morreu por causa do sarampo.

Como é possível pensar que esta familia, ao optar por não dar vacinas à filha, depois de aos 2 meses ter tido um choque anafilático, não ponderou, não se angustiou, não pediu por tudo que nada acontecesse?

Conseguem imaginar um choque anafilático num dos vossos filhos aos 2 meses, depois de terem levado uma vacina? “Os sintomas de um choque anafilático (uma reação alérgica muito grave) são bastante assustadores – dificuldade em respirar, inchaço na boca, olhos e nariz, suores intensos.” (http://visao.sapo.pt/actualidade/sociedade/2017-04-19-Mononucleose-complicou-estado-de-saude-da-jovem-que-morreu-com-sarampo)

Se calhar tomávamos a mesma decisão, com o coração nas mãos, pedindo que nada de mal acontecesse à nossa menina.

Normalmente, se não em 100% das vezes, quem opta por não vacinar tem uma razão para isso. E não é a ignorância. De todo! A maioria das pessoas são pais e mães que se questionam, que investigam, que tentam perceber o que estão a colocar no corpo dos filhos. E acreditem que se lermos muito ficamos com pouca vontade de avançar.

Tenho as minhas filhas vacinadas mas tenho a certeza de que os pais que optaram não vacinar os seus filhos não o fazem com o intuito de colocar a vida deles, e muito menos a de outros, em risco. Se tomam essa decisão com toda a certeza é porque têm razões. Podemos questionar, podemos não concordar mas não me parece que se ganhe alguma coisa em vir fazer ‘linchamentos’ na praça pública.

Dei todas as vacinas, ainda não dei a HPV, mas acreditem que me questiono. Porque razão as meninas aos 10 anos ‘têm ‘ que ser vacinadas contra o HPV? Em alguns meios isso talvez se justifique mas em muitos, quero acreditar que na maioria, isso não acontece.

Questionei a DGS sobre o assunto e fiquei a perceber que até aos 13 anos levam duas tomas, depois são três. Mas não é obrigatório dar a vacina aos 10 anos! Podem tomar até aos 18 (dentro do PNV).

Claro que vou vacinar, mas devemos questionar e não fazer porque sim…Claro que no Centro de saúde olham sempre de lado. …mas nós somos pais e devemos estar informados.
Por exemplo, uma coisa que me angustiava é darem 2 ou 3 vacinas de seguida. Com a mais velha, no início ainda o fizeram mas depois nunca mais deixei. Já sei que às vezes tenho uma cara menos simpática do outro lado, mas nós temos o direito de escolher. Ah, mas tem que voltar depois! Não faz mal. Eu volto! Se fizerem alguma reação depois de três vacinas, ou duas, nunca saberemos de onde veio, não é?

Isto é apenas a opinião de uma mãe que, como todas as outras, mesmo as que tomam a decisão perigosa de não vacinar, apenas tentamos fazer o melhor pelos nossos filhos. E isso implica informação, que não é, nem pouco mais ou menos, só a que os media divulgam

Não consigo imaginar a dor daquela familia….

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s